Plano de Estudos Personalizado do Geekie One: um reforço para estudantes aprenderem muito mais ou irem além!

Conheça o Plano de Estudos Personalizado do Geekie One, a evolução do sistema de recomendação da Geekie, reconhecido pelo MEC, que foca nas necessidades de estudantes e no planejamento curricular de cada área do conhecimento de sua escola!

Um olhar individualizado para cada estudante da turma e da escola oferece uma aprendizagem focada nas necessidades, desafios e fortalezas de alunos e alunas. Essa personalização, no entanto, pode ser difícil quando as salas de aula estão cheias e a escola não dispõem de nenhum recurso que permita otimizar os estudos conectados ao seu planejamento curricular em outros ambientes de aprendizagem, como em casa.

No Geekie One, a plataforma de educação personalizada da Geekie, docentes e estudantes conseguem superar essa barreira física e pedagógica com o Plano de Estudos Personalizado. Esta não é bem uma novidade da Geekie, mas sim uma evolução da tecnologia da empresa que é referência mundial em soluções inovadoras para a educação. 

O Plano de Estudos combina o algoritmo de recomendação de exercícios baseados tanto nas dificuldades e necessidades de estudantes quanto no planejamento curricular da escola. Ele ainda traz mais visibilidade do desempenho de cada aluno e aluna permitindo planejamentos de aulas e experiências de aprendizagem focadas nos tópicos que eles e elas precisam reforçar ou querem ir além.

Entenda neste artigo tudo o que está por trás do Plano de Estudos Personalizado do Geekie One!

2020-21: Anos letivos desafiadores para as escolas

Integrar o ambiente presencial com o remoto, ou o offline com o online, é a premissa do Ensino Híbrido (do inglês, blended learning). Essa é uma forma de ensinar e aprender que ganhou força com o contexto da pandemia do coronavírus, mas já é o centro da proposta pedagógica do Geekie One e de muitas escolas conectadas com as necessidades e particularidades de estudantes do século XXI – aqueles que já nasceram em um ambiente no qual a tecnologia os acompanha, direta ou indiretamente, do berço à fase escolar.Se em um contexto de normalidade, a personalização do processo de ensino-aprendizagem já era premissa para que todos(as) os(as) estudantes pudessem brilhar, durante a pandemia e na Nova Era da Educação essa questão fica ainda mais forte. Uma pesquisa recente da Fundação Carlos Chagas em parceria com a Unesco e o Itaú Social, mostrou que, na percepção dos(as) mais de 14 mil docentes entrevistados, a aprendizagem diminuiu 49,7% durante o período de pandemia.

pesquisa elaborada pela Fundação Carlos Chagas, em parceria com a Unesco e o Itaú Social mostra que, 49,7% dos(as) professores(as) entrevistados(as) têm a percepção de que a aprendizagem diminuiu durante a pandemia.
Fonte: imagem de divulgação da pesquisa elaborada pela Fundação Carlos Chagas, em parceria com a Unesco e o Itaú Social.

Já outra pesquisa, realizada pela Fundação Lehman em parceria com o Itaú Social e Imaginable Futures para o Instituto DataFolha, destaca a preocupação de pais, mães e responsáveis pelos(as) estudantes durante e pós-período de aulas remotas. Segundo os dados do levantamento, 86% das famílias defendem a continuidade do aprendizado planejado para 2020 no próximo ano letivo; e 92% delas apontam a continuidade das aulas remotas com as presenciais como alternativa para alunos e alunas não perderem este ano letivo.

Plano de Estudos Personalizado para uma aprendizagem híbrida e direcionada às necessidades de cada estudante

Além de ser uma pauta recente para essas famílias que se aproximaram do processo de aprendizagem de estudantes durante a pandemia, essa proposta de uma educação híbrida ganha um reforço e faz parte da tendência para o futuro das escolas. A partir das experiências recentes, uma Nova Era da Educação emerge, estudantes e famílias encontrarão uma aprendizagem mais conectada, visível, ativa e personalizada com muito mais potencial para desenvolver uma  formação integral,  alinhando aspectos acadêmicos, socioemocionais e digitais.

É neste contexto que o Geekie One desponta como a melhor e única plataforma de educação personalizada do mercado educacional brasileiro. Sua premissa é aliar a aprendizagem ativa com foco no aluno e na aluna em um conteúdo significativo, digital e flexível que permita visibilidade para toda a comunidade escolar tomar decisões pedagógicas mais assertivas e pautadas em evidências disponíveis em tempo real. 

Tudo isso é feito ao integrar a tecnologia com intencionalidade pedagógica para otimizar a rotina de docentes, coordenação, gestão e estudantes, concedendo o apoio de nossa consultoria pedagógica parceria nas jornadas personalizadas para os desafios de cada instituição de ensino.

O Plano de Estudos Personalizado complementa este DNA como um dos vários recursos disponíveis no Geekie One. Ele está fundamentado nas pesquisas mais atuais não só da Educação, mas da Neurociência, Psicologia, Tecnologia e Neurolinguística para complementar a aprendizagem de estudantes que precisam reforçar, recuperar ou ir além em seus estudos. Para docentes, ele é um complemento do ensino planejado e em execução de cada componente curricular ao permitir que os aprendizados adquiridos durante as aulas síncronas continuem de maneira estruturada e direcionada nos momentos assíncronos, em casa ou em qualquer lugar. 

Já para as escolas, hoje o Plano de Estudos Personalizado é a melhor solução para atuar sobre as defasagens de aprendizagem provocadas pelo período de distanciamento social e aulas remotas. Ele não traz nenhum custo adicional para a gestão, mas permite que a proposta da formação integral normatizada pela Base Nacional Comum Curricular aconteça de maneira mais fluida, constante e no ritmo de cada discente.

Confira um material exclusivo sobre o Novo Ensino Médio

A evolução da tecnologia da Geekie

O Plano de Estudos Personalizado do Geekie One é o estado da arte da tecnologia desenvolvida pela Geekie durante seus quase 10 anos de existência. Ao longo desta trajetória, a empresa que é referência mundial em soluções inovadoras para a educação já impactou mais de 12 milhões de estudantes de 5 mil escolas públicas e privadas de todo o Brasil. Esse impacto veio principalmente com o Geekie Games, a plataforma oficial de estudos do programa “Hora do Enem” do Ministério da Educação, em 2016. 

Com ela, os(as) participantes do Exame Nacional do Ensino Médio, treinam e se preparam para a avaliação com simulados construídos com todo o rigor pedagógico e equalizados na mesma escala do exame oficial, tal como permite a Teoria de Resposta ao Item (TRI). A cada avaliação e exercício feito no Geekie Games, a plataforma apresenta e atualiza um plano de estudos individual, oferecendo exercícios daqueles tópicos e conteúdos que cada pessoa precisa se aprofundar e treinar mais para melhorar seu desempenho no Enem.

O resultado destas recomendações e de um estudo mais personalizado foi comprovado. Um estudo da Instituição de Pesquisa Metas Sociais atestou, com 99% de significância estatística, que estudantes que se nortearam pelo plano de estudos da Geekie tiveram um desempenho 5 vezes superior àqueles que não utilizaram o plano de estudos.

O Geekie Games também proporcionou um acréscimo médio de 72 pontos na TRI para grupos de estudantes que usaram entre 10% e 100% dos recursos (exercícios e aulas) da plataforma, isolando-se os efeitos de variáveis como estágio inicial de aprendizagem, nível socioeconômico e disponibilidade de tempo para os estudos.

Por que o Plano de Estudos Personalizado do Geekie One realmente funciona?

A inteligência do Plano de Estudos Personalizado do Geekie One está não somente na identificação do que deve ser trabalho com cada estudante, mas, principalmente, na forma como a recomendação é estruturada para garantir um aprendizado mais eficiente. Toda essa lógica está fundamentada em um arcabouço teórico de diferentes áreas do conhecimento divididos, aqui, nos 7 elementos que potencializam o aprendizado de alunos e alunas.

Plano de Estudos personalizado do Geekie One incentiva o progresso dos estudantes e estimula o prazer em aprender e ir além

Conheça os diferenciais do Plano de Estudos Personalizado do Geekie One:

Avaliação contínua

A avaliação assume um caráter somativo na maioria das escolas. Além de ser aplicada apenas nos finais de ciclos bimestrais ou trimestrais, ela confere uma visibilidade limitada do desenvolvimento de estudantes. O Plano de Estudos Personalizado aposta na avaliação contínua, que não se limita a um retrato do passado, mas traz o acompanhamento contínuo de todo o processo. Ele não se baseia em uma única avaliação para desenvolver o processo de recomendação de estudos e exercícios. Ela é feita continuamente e alinhada ao ritmo da escola, o que permite prontamente identificar dificuldades e endereçar ações.

“Quando as práticas de avaliação formativa são integradas nas atividades de sala de aula, são possíveis aumentos substanciais de desempenho de ordem de 70 a 80% de aumento na velocidade de aprendizagem.”
Leahy & Willian (2009) em Hattie, 2017 - Leahy, S.; Willian, D. Embedding assessment for learning: a professional development pack. London: Specialist Schools and Academies TRsut, 2009. em Hattie, J. (2017).

Tempo na medida certa

Estudantes da 6ª série do Ensino Fundamental têm necessidades e particularidades completamente diferentes daqueles(as) do 1º ano do Ensino Médio. Entre essas diferenças está o tempo ótimo de estudo. Este é um ponto importante que deve ser levado em consideração na hora de criar uma rotina de estudos saudável para cada aluno ou aluna.

Por conta disso, o Plano de Estudos Personalizado faz recomendações que equilibram o tempo ideal de estudos para cada idade com as diversas atividades do dia a dia – tanto aquelas enviadas pela escola no Geekie One, quanto o reforço e aprimoramento indicado no Plano de Estudos.

Estratégia de estudo

A escolha da estratégia de estudo é essencial para um resultado mais rápido. Nossa recomendação prioriza e organiza os capítulos indicados para estudo buscando a estratégia mais eficiente. Além disso, diferentes técnicas de estudo com efeitos positivos comprovados são utilizadas. 

Atividades diversificadas

Se a premissa é personalizar, o Plano de Estudos traz possibilidades de escolha e coloca fim nas tarefas iguais para todos(as). Quando utilizamos diferentes modalidades de atividades (vídeos, textos, exercícios, etc), o estudante pode fazer escolhas conforme suas preferências de estudo. Ganha-se em autonomia, autoconhecimento e engajamento. 

Leia também: “Inteligências Múltiplas”: as diferentes formas de aprender exigem do professor o  reconhecimento das particularidades dos estudantes

Autonomia de estudantes

O protagonismo e a autonomia do estudante são objetivos primordiais no contexto atual. Nosso plano busca desenvolver essa autonomia nos(as) estudantes engajando e conferindo prazer nos estudos. “Quero ir além!” é um elemento na proposta de recomendação que garante o espaço de escolha dos(as) estudantes que estão em um nível acima da média da turma; motivando, ao mesmo tempo, aqueles que querem intensificar seu desenvolvimento para recuperar ou reforçar as aprendizagens que teve mais dificuldade. A autonomia é um dos elementos para o engajamento.

“Quando os alunos estão envolvidos, é mais provável que se concentrem, permaneçam absorvidos por uma tarefa, persistam diante das dificuldades, experimentem satisfação e tenham orgulho do que fazem”. Tomlinson & Moon, 2013.

Feedback e incentivos educativos

Parte essencial do aprendizado é receber devolutivas constantes durante o processo. O poder do feedback está relacionado ao processo e ao formato. Nosso Plano de Estudos Personalizado busca alinhar os feedbacks com a dinâmica da escola, esclarecendo o que o(a) estudante fez bem (reforço positivo) e o que precisa fazer para melhorar, aumentando a seu efeito. Além disso, ele motiva os(as) estudantes com mensagens comemorativas quando eles e elas concluem suas atividades, incentivando-os(as) a persistirem nos estudos.

Potencializar o desenvolvimento

O apoio personalizado para a evolução e desenvolvimento do estudante não se limita a uma proposta de recuperação. Ela cria uma cultura de aprendente porque há sempre pontos a melhorar e a cultivar. A recomendação irá focar na superação de lacunas de aprendizagem, mas também estimula os estudantes que querem ir ainda mais longe. 

Leia também:

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Bitnami